.


GUIA DO GOOGLE: ENCONTRE ATÉ A AGULHA NO PALHEIRO

23/12/2011 11:44

Confira aqui um guia completo para você fazer todos os tipos de busca no Google.
Conheça as buscas personalizadas, as ferramentas do Google Maps e muito mais!

Que o Google é uma unanimidade, todo mundo já sabe. Porém, você realmente aproveita todas as ferramentas que o maior buscador do mundo tem para oferecer? Caso a resposta seja negativa, este artigo vai iluminar seu caminho, na procura pela “agulha no palheiro”.

Listamos a seguir as principais formas de procura no site, e também mostramos algumas das inúmeras funções de busca que o Google disponibiliza. De quebra, trazemos algumas dicas legais para quem ainda não usou por completo o Google Maps, uma ferramenta considerada indispensável por aqueles que precisam conhecer o caminho.

Fique conosco durante o mergulho pelo mundo Google e aproveite todas as opções que o gigante da internet tem para oferecer.
 

Relembre algumas dicas úteis

O portal Baixaki já tratou de mostrar algumas das dicas mais quentes para refinar e melhorar os resultados daquilo que você procura no artigo “Saiba procurar no Google da melhor forma”. Caso você não tenha conferido, aqui vai uma recapitulação das principais opções para deixar sua busca mais otimizada:

Palavras compostas e filtros

Procurar palavras compostas e sentenças definidas fica muito mais fácil através do uso de aspas. Ao invés de procurar a ocorrência "Baixaki" separada de "Jogos", procure "Baixaki Jogos" entre as marcas de aspas para uma busca mais pontual.

Procure utilizando aspas

Os sinais de subtração e o asterisco entre as palavras também são filtros legais na hora de procurar uma ocorrência. Com o sinal * você procura palavras que estejam em uma mesma busca, porém não necessariamente seguidas como na procura através das aspas. É o chamado "asterisco coringa" da sua procura, pois ele pode ser qualquer palavra entre as duas ou mais ocorrências da sua busca.

Asterisco em sua busca


Já o sinal de subtração faz exatamente o contrário do asterisco: com ele você procura tudo que quiser, sem as ocorrências que se encontram depois do sinal.  Isso facilita a vida de quem procura  algo, porém recebe muitas propagandas, por exemplo, em sua busca.
Mas fique esperto: para procurar o sinal de subtração, você deve inserir primeiramente aquilo que quer encontrar, depois um espaço e então colocar o sinal de subtração colado àquilo que você não quer ver na busca. Caso não seja feito assim, o buscador interpreta o sinal de “menos” apenas como um traço e mostra exatamente aqueles resultados que trazem a palavra que você quis excluir.

Símbolo de subtração para informação sem relevância

Ainda em se tratando de símbolos e busca, é possível também usar o sinal “til” para procurar palavras semelhantes ou sinônimas. Faça a busca da mesma forma daquela com o sinal de subtração, porém insira o sinal ~ para procurar palavras semelhantes.
Para criar pesquisas alternativas, insira a palavra OR (ou) entre aquelas que deseja procurar. Com isso, a pesquisa mostrará não apenas resultados de uma ou outra opção, mas o resultado de ambas, porém separadamente e não no mesmo site. Vale a pena ressaltar que é necessário usar a palavra entre aspas e o comando OR em letras maiúsculas.

Escolha opções diferentes de busca

Depois dos dois-pontos

Para procurar informações específicas, entretanto, não são apenas os filtros que ajudam na hora da busca. A utilização de palavras-chave seguidas de dois-pontos também traz bons resultados para sua pesquisa. Confira alguns usos deste tipo de pontuação:
No caso da definição de acordo com um dicionário, ela pode ser encontrada ao se utilizar a combinação “define:” (sem aspas) antes daquilo que você deseja saber do que se trata:
Opção define e dois pontos para definições do dicionário

Para criar buscas tendo em vista um site específico também é fácil. Insira a palavra "info" seguida de dois-pontos e a seguir preencha um endereço eletrônico de sua preferência para encontrar informações sobre a página específica.
Para procurar palavras dentro de um site específico, uma ótima combinação são as informações “palavra-chave+site:”. Insira, por exemplo, a palavra download em site:www.baixaki.com.br para encontrar as ocorrências que trazem no Baixaki a palavra download:Palavra-chave mais o site para encontrar aquilo que procura
Caso você esteja à procura de links externos de algum site, insira a combinação “link:” e o site em questão para procurá-los. Já para buscar algum site apenas por seu nome, insira a combinação “intitle:” e o nome do site que procura.
Para restringir a busca às URLs do site em questão, preencha a pesquisa com a combinação “allinurl:” e encontre rapidamente aquele endereço específico.
Completando a festa, escreva em sua procura a opção “filetype:” para encontrar um formato específico de arquivo com mais facilidade, seja em PDF, DOC ou qualquer outra extensão que mais lhe agrade.Escolha a opção para tipos de extensões diferentes

Google Instant


O Google Instant é um aprimoramento na ferramenta de pesquisa do Google que faz com que os resultados apareçam enquanto você digita. Isso quer dizer que não é necessário pressionar “Enter” ou clicar em “Pesquisar” após digitar o resultado.
Repare no vídeo abaixo como os resultados vão aparecendo instantaneamente a cada letra que é digitada. Repare também que o botão “I’m Feeling Lucky” (Estou com sorte) perde sua utilidade, já que não há tempo para pressioná-lo:
O serviço ainda está e desenvolvimento e é necessário ativá-lo neste endereço, clicando em 
Try It Now”. Ele não é exatamente recomendado para usuário com conexões discadas ou lentas em geral e ainda apresenta alguns problemas, como falha no carregamento dos resultados, o que faz com que o usuário tenha que clicar em “Pesquisar”.
Ele também não está disponível para quem utiliza o Google Brasil.


Google Instant Preview


Outro serviço que melhora a ferramenta de pesquisa e também deve ser ativado para começar a funcionar (neste link) é o Google Instant Preview. Ele adiciona um ícone em forma de Lupa ao lado de cada resultado das pesquisas. Ao clicar nesta lupa, você obtém uma pré-visualização do layout do site. Assista ao vídeo abaixo para entender melhor:
Como o vídeo mostra, além de exibir o layout do site, o Google Instant Preview ainda ilumina e destaca o trecho em que o termo pesquisado está contido, evitando que você perca tempo procurando manualmente. Com a ajuda deste serviço, fica muito mais fácil comparar os resultados e decidir qual deles é o melhor.

Google informa: tempo, temperatura e muito mais

Depois de criar filtros e opções para as mais variadas buscas, vale a pena conhecer ferramentas que trazem resultados rapidamente. Você é capaz de encontrar com apenas alguns cliques as informações de temperatura, além de usar calculadora e conversores de medidas.
Com isso você não precisa entrar em sites específicos para esse tipo de informação, uma vez que o Google mostra-as instantaneamente em sua pesquisa.
A temperatura, por exemplo, pode ser acessada somente pela procura “temperatura+cidade” ou ainda por “tempo+cidade” (ambos sem aspas). Esta pesquisa mostra não apenas a previsão para o dia, mas também para os próximos três dias da semana, com as temperaturas máximas e mínimas, além da umidade do ar e o status atual do dia (nublado, ensolarado, etc.).Temperatura na sua cidade
O Google também pode ser usado para efetuar contas matemáticas. Para isso é preciso apenas inserir a conta desejada por escrito, ou seja, escreva 10/2 para fazer a operação 10 dividido por 2 e assim por diante.
Há ainda a possibilidade de converter moedas, temperaturas e até mesmo velocidade apenas com algumas informações. Para moedas, insira o valor e coloque as moedas correspondentes (ex: 10 dollar in real).
O mesmo acontece para temperaturas, que podem ser convertidas de Celsius para Fahrenheit e vice versa (ex: 40 F in C). Já para distâncias, utilize a mesma lógica e obtenha as distâncias em diferentes medidas (ex: 10 miles in kilometers). Para as moedas, é possível escrever as conversões em bom português.
Converta milhas em kilômetros e vice-versa
Vai um cineminha aí?

Uma ótima opção para fãs do cinema é a pesquisa rápida do Google dos filmes em cartaz. Com ele é possível encontrar a sessão mais cômoda e no cinema de sua preferência. Preencha no campo de busca apenas “cinema+cidade” para que apareçam na primeira ocorrência os horários de exibição.
Ao clicar no link, você tem todas as sessões disponíveis para o dia em todos os cinemas da cidade. Você pode conferir a programação nos três dias subsequentes à busca e ainda mostrar os horários não pelos cinemas, mas pelos filmes de sua preferência.

Clique no link para acessar as sessões
Confira também a resenha de cada filme, para não chegar de surpresa na sessão, sem saber qual a melhor escolha para seu entretenimento. Para facilitar ainda mais, os filmes contam com a classificação indicativa e as estrelas que mostram a avaliação de cada película. Agora você não tem desculpas para não encontrar um bom filme no cinema.Confira a classificação indicativa, sinopse e muito mais

Complete automaticamente

Outra novidade do Google em termos de busca é a opção de completar automaticamente aquilo que você insere na caixa de pesquisa da página. Para quem procura expressões e palavras comuns, esse tipo de tarefa economiza tempo e paciência.
Quando for procurar algum termo, fique sempre de olho naquilo que o Google sugere automaticamente durante a escrita. Muitas vezes, o buscador dá dicas baseadas em maior relevância e ocorrência de um termo, o que facilita sua pesquisa e aumenta a probabilidade de você encontrar o resultado específico que procura.

Mostrar opções

Outra forma de “peneirar” suas pesquisas na web é abrir as opções que se encontram ao lado direito do número de resultados da pesquisa. Nesta aba, você opta por visualizar os resultados por datas mais recentes, apenas páginas visitadas, encontrar vídeos, blogs e fóruns, entre outros.

Opções de pesquisa
A visualização da pesquisa também pode ser modificada, mostrando ao usuário os resultados através de cronograma ou mesmo da “roda mágica”, que interliga os principais resultados da pesquisa.

Pesquisa avançada

As dicas anteriores são do conhecimento de muita gente, que as usam com frequência para deixar as buscas mais pontuais e específicas. Porém, a grande dica do Google para as buscas é “mantenha a pesquisa o mais simples possível, para que haja o maior número de resultados relevantes”.
O problema é que, para buscas mais usuais, esta é uma ótima dica, mas para opções mais específicas é possível encontrar informações sem relevância. Para que isso não aconteça, utilize a pesquisa avançada do Google.

Para deixar sua pesquisa mais específica, clique em “Pesquisa Avançada” e determine os parâmetros que serão relevantes para a busca. Todos os filtros apresentados anteriormente estão ali disponíveis, ou seja, você é capaz de procurar resultados por expressão, sem palavras específicas, através de expressões completas e mais.Confira a pesquisa avançada

Você ainda pode definir o idioma da busca, a região em que o site está hospedado, formatos de arquivo, datas e ocorrências, em um domínio pré-definido, por direitos de uso e através da ferramenta SafeSearch, que filtra informações que não são relevantes para você.
A pesquisa avançada traz ainda pesquisa por páginas específicas, similares àquela que você procura ou ainda com links para sua página que consta em sua busca. Preencha o endereço específico para que sua busca contemple a URL de sua preferência.

Novidade para programadores

Para quem precisa encontrar códigos para algum projeto específico, a busca avançada do Google traz como novidade a opção de pesquisa por código-fonte público. O site traz inclusive exemplos de busca com os filtros específicos para esse tipo de pesquisa, para que o programador encontre aquilo que precisa rapidamente.Procure pelo código-fonte

Esta opção traz também uma pesquisa avançada, caso o que você procura seja ainda mais específico dentro do grande grupo de códigos por aí.  


Para que serve a busca “em cache”?

Se você fez todos os tipos de buscas para aquela página específica e nada deu certo, talvez valha a pena clicar na busca “em cache” do site em questão. A busca em cache nada mais é do que a localização de uma página previamente armazenada pelo Google.

Os datacenters do Google armazenam quantidades enormes de informação, entre elas as páginas usadas anteriormente. Quando um site sai do ar por um motivo ou outro, os usuários podem acessá-lo da mesma forma, em uma versão mais “defasada”, ou seja, quando do armazenamento da página no servidor do Google.

Pode acontecer de um site sair do ar e muitas vezes é exatamente aquele que contém a informação que tanto estamos a procurar. Para isso, tente clicar na opção “cache” para recuperar a tão preciosa citação de que você precisa.
Busca em cache
A outra função, menos importante, mas muito útil da pesquisa em cache, é o realce daquelas palavras que você inseriu em sua pesquisa. Quando você se deparar com um texto grande demais e quiser apenas ler a parte que interessa, o cache ajuda bastante, pois o realce faz com que você focalize em uma parte do texto.

Fique conectado e configure preferências

As opções mostradas até agora podem ser feitas sem a necessidade de uma conta do Google. Porém, são poucos aqueles que não possuem a conta do maior buscador da internet, uma vez que sites como o YouTube, Orkut e Gmail também se utilizam dessa senha para acesso.

Saiba, entretanto, que as buscas do Google podem ser melhoradas ainda mais quando você está conectado com sua senha e online durante a pesquisa. Conheça a seguir as principais opções para usuários online e comece a navegar enquanto estiver logado em sua conta Google:

Promova uma página

Suponha que você tenha feito uma pesquisa, porém o resultado mais interessante sobre aquilo que procurava apareceu apenas na quarta página do Google. Antigamente não havia nada a se fazer sobre o assunto, uma vez que a organização das páginas não dependia de você.

Atualmente, você é capaz de dar “pitacos” para que as páginas que mais gosta sejam acessadas antes.Promova seu site preferido

A novidade do Google está em pequenos botões que aparecem ao lado da opção da escolha em cache. Cada um deles tem um propósito, como comentar o site acessado, exclui-lo da sua lista de buscas e ainda promovê-lo para o início da pesquisa.
Com isso, o usuário ajuda o Google a selecionar ainda melhor as páginas mais relevantes a serem visitadas, além de manter a própria busca ainda mais organizada. Isso traz comodidade e mais facilidade na busca, uma vez que aquilo que mais lhe agrada ficará sempre em primeiro lugar.

Mantenha o histórico de sites visitados

Uma vez conectado, o acesso das páginas visitadas estará gravado automaticamente em sua conta. Com isso você poderá facilmente acessar as principais pesquisas que já fez e ainda escolher suas buscas através das imagens, notícias, vídeos ou mesmo livros do Google Livros.

Para isso é preciso apenas clicar na opção “histórico da web”, ao lado do seu email, que aparece na parte superior direita da página. Caso você não veja esta opção, é possível acessar o histórico diretamente na barra do navegador no endereço.

www.google.com/history.

Tenha em mãos os sites pesquisados
Mas não se preocupe, pois o histórico pode ser suspenso quando você achar necessário, ou seja, quando quiser pausar a listagem de sites arquivados nas buscas online. Para isso, clique no botão “pausar” na lateral esquerda da página do histórico e pronto! Quando quiser voltar a salvar o histórico, escolha a opção “Retomar” e continue a salvar as páginas visitadas.

Da mesma forma, você também pode remover os itens de sua busca na web para que não fiquem registrados no seu histórico. Esta é uma boa opção inclusive para quem navegou pelo Google sem perceber que estava conectado e agora não quer mais manter aquelas páginas visitadas.

Para isso clique em “Remover itens” e escolha quais gostaria de deletar do seu histórico da web. Você pode remover todos de uma só vez ou ainda limpar apenas aquelas pesquisas que não interessam mais por alguma razão.

Consulte estatísticas dos sites mais visitados por você, além do número de atividades mensais e diárias de pesquisa com estas ferramentas, que são uma ótima fonte de informação para quem precisa controlar as procuras na web - e podem ser mais uma fonte sobre aquilo que você encontra no Google.

Veja sua busca de forma diferente

Além disso, novamente seu tempo será poupado, uma vez que suas pesquisas mais relevantes estão disponíveis para consulta quando você quiser, apenas através do login na página de histórico do Google.

Além da busca diária

Porém não é apenas de sites e históricos que vive o Google. Há duas outras opções que permitem uma maior interatividade com os resultados do buscador. Vamos por partes:

Google Imagens


A busca por imagens já é consagrada no Google, uma vez que muito do que se acessa na internet utiliza algum tipo de fotografia ou design para deixar o site ainda mais bonito, portanto nada mais comum do que procurar alguma informação através de imagens e vice-versa.

Este tipo de  busca também é extremamente popular para aqueles que gostam de celebridades e vivem à procura da imagem perfeita do seu ídolo. Mas o que quase ninguém repara é que a busca por imagens também contém opções de busca e que funciona de

forma muito parecida com a pesquisa web do Google.
Faça escolha das suas imagens
Uma ótima opção, por exemplo, é a busca por rostos. Ao clicar em “mostrar opções” no Google Imagens, você é capaz de filtrar as opções de busca e pesquisar apenas imagens em preto e branco ou com tamanhos específicos.
Apenas como exemplo, se você procurar a palavra “Paris”, encontra inúmeras imagens não apenas da patricinha famosa “Paris Hilton”, como também da bela cidade de Paris, com a Torre Eiffel como cartão postal. Para as imagens da pessoa e não da cidade, escolha a opção “Rosto” e encontre imagens da celebridade.

Google Maps


Para completar este Guia do Google, não podia faltar a presença da popular ferramenta de busca de endereços e lugares da web, o Google Maps. Quem já precisou ou ainda precisa procurar localizações mais variadas tanto na cidade em que mora quanto em outras do Brasil e do mundo já deve ter pesquisado nos mapas do Google para não se perder pelo caminho.
No Google Maps você pode observar a localização especificada não apenas por mapas planos, mas também por imagens de satélite ou através das configurações do terreno, caso a procura necessite de algum detalhe mais específico.Do Jardim Botânico para a Ópera de Arame em Curitiba
Voltando ao mapa amarelo característico do Google, através dele é possível encontrar pontos turísticos e endereços completos através de palavras-chave na procura do Google Maps. Uma vez encontrado aquilo que você procura, insira seu ponto de partida para que seja mostrada a você a trajetória de um local a outro.
Todas as informações para que você encontre a localidade estão do lado esquerdo da tela, o que dá ao usuário todas as possibilidades de caminho não apenas de carro, mas também a pé e com o transporte público (caso a opção do transporte público tenha cobertura no seu Estado).
No mapa propriamente dito é possível ver a trajetória completa e também conferir as rotas alternativas para o destino. Para completar, o usuário pode imprimir o mapa e levar as orientações no carro durante o trajeto.

Como encontrar endereços

Para checar um endereço no mapa, insira-o na barra superior da tela e clique em “pesquisar no Mapa”. Ao clicar em “como chegar”, insira seu ponto de partida e escolha a forma de locomoção.  

Na parte inferior aparece toda a explicação de como chegar ao local de destino. Você pode inclusive escolher entre um ou mais trajetos para utilizar aquele que preferir, seja pela quantidade de trânsito ou mesmo pela distância e facilidade de acesso.Localize qualquer local

Caso você esteja logado com sua senha, pode salvar esta trajetória, para acessá-la novamente no futuro, assim como acessa os históricos de busca e de imagens.
Tudo sobre o Google

 
Fotos, vídeos e Wikipédia
O que muita gente nunca repara é no pequeno botão escrito “mais” no lado direito da tela, juntamente com as opções de mapa. Lá você pode visualizar o mapa com fotos dos locais mais famosos, vídeos das localidades interligadas a uma região geográfica e ainda consultar a Wikipédia para saber mais sobre uma cidade ou região.
Com isso, o mapa se torna não apenas um simples local para encontrar endereços, mas também um local onde se pode adquirir mais conhecimento antes de desbravar terras desconhecidas. Ele ainda figura como ótima fonte para que o usuário busque as mais variadas informações, seja sobre sua própria cultura, cidade e até mesmo pesquisa para projetos escolares.

É isso aí! Esperamos que este guia do Google seja útil para você na hora de buscar aquilo que procura. E não deixe de comentar sobre o artigo ou trazer novas dicas de busca que não apareceram por aqui.

—————

Voltar